se valorizar no trabalho

Aprenda a se valorizar no trabalho

Quem não quer crescer na empresa e conquistar um salário melhor, não é mesmo? Poucos, porém, são os que realmente se esforçam para chegar lá. Uns querem reconhecimento, mas não demonstram interesse.

Outros simplesmente deixam de lado suas ambições por não saberem qual caminho é melhor seguir. Por isso, para se valorizar no trabalho, é preciso atitude e objetividade.

Nesse sentido, são fundamentais a iniciativa, o compromisso, o respeito aos colegas, a educação e a cordialidade com os clientes, entre outros atributos.

Um toque criativo é sempre bem-vindo. Afinal, é indispensável se destacar de outros colaboradores, principalmente aqueles que são tão dedicados quanto você.

Está com muita vontade de progredir na carreira, mas não tem ideia de por onde começar? Então veja dicas incríveis neste post sobre como se valorizar no trabalho. Acompanhe!

Ressalte seus resultados sem arrogância

É crucial ter muito jogo de cintura para demonstrar seu bom desempenho sem ser esnobe demais. Você deve estar pensando: “mas isso é muito subjetivo!”.

Sim, realmente é. Por essa razão, uma dica prática é desenvolver o dinamismo e a presteza. Demonstre determinação para encontrar saídas para os problemas. Desse modo, não fique apenas na defensiva, esperando ordens. Faça de tudo para agregar valor ao time.

Por exemplo: se você trabalha com limpeza, pesquise sobre novos equipamentos que aumentem a produtividade com bons custos-benefícios. Da mesma forma, busque dados sobre materiais de limpeza confiáveis e mais econômicos do que os que estão em uso no negócio atualmente.

Para conseguir ter segurança em ousar — e fazer algo que não é oficialmente da sua alçada —, você tem que conhecer a cultura da empresa.

Ninguém está dizendo para você agir às cegas. Sendo assim, estude o histórico da organização, converse com os colegas com mais tempo de casa e procure descobrir os valores e a missão da companhia.

Isso tudo de nada adiantará sem cumprir o básico: chegar no horário, executar as suas obrigações com capricho e se atualizar a respeito das suas tarefas.

Mantenha boas relações

Outro passo importante para se valorizar no trabalho é ter a habilidade de conviver bem com as pessoas. Seja amável com os colegas, superiores e mais ainda com os clientes.

Na hora de conversar com algum consumidor, deixe as gírias e a informalidade de lado. Lembre-se de não elevar o tom de voz jamais.

Por outro lado, dialogar de forma muito rebuscada com seus pares pode despertar rejeição e dificuldades de entendimento.

Por esse motivo, tenha maleabilidade na forma de tratamento com cada tipo de pessoa. Todos merecem respeito, mas sua forma de se comunicar precisa ser versátil.

Admita as suas falhas e jamais empurre suas responsabilidades para os outros. Afinal, um cargo de supervisão requer uma conduta mais segura sobre as consequências dos seus atos. Quando receber um elogio ou se der bem em alguma obrigação, não se esqueça jamais da humildade.

Mais uma dica: tenha serenidade e bom-senso diante das críticas. Um feedback negativo pode ser apenas um motivo para lamentação ou então uma mola propulsora para o crescimento. A escolha é sua!

Escute de verdade quando receber um parecer desfavorável sobre seu desempenho e reflita: “o que posso fazer para melhorar?”. Ao mesmo tempo, tenha inteligência para perceber quando um comentário ruim sobre sua performance for pura inveja ou picuinha.

Cargos de chefia exigem o domínio do trabalho em grupo. Diante disso, fuja de brigas, de fofocas, de intrigas e demais maledicências.

No futuro, até mesmo fora da atual empresa, seus colegas poderão abrir outras portas profissionais. Ninguém sabe o dia de amanhã, não é mesmo?

Outro ponto importante: tenha muita delicadeza ao chamar a atenção de alguém. Imagine que você está em um cargo de supervisão e perceba que um funcionário está sem os devidos EPIs (Equipamentos de Proteção Individual).

Discretamente, chame esse colaborador em um ambiente privado e dê as orientações. Tenha paciência em explicar a importância desses acessórios para um trabalho seguro.

Gritar ou falar de forma ríspida é péssimo para o clima organizacional. Desse modo, com educação e paciência, você construirá pouco a pouco uma sólida rede de networking.

Corra atrás das chances de crescimento

Deixe claro para seus superiores que você tem a ambição de crescer. Foi-se o tempo em que isso era malvisto pelas empresas. Afinal, pessoas com ambição têm mais garra, e isso é essencial para se valorizar no trabalho.

Além disso, esforce-se para passar segurança para vencer desafios. Mesmo que você morra de medo de gerenciar um time, não deixe esse sentimento paralisar as suas ações. Tome fôlego e vá adiante, mesmo com receio.

Em qualquer ramo, os profissionais precisam se reciclar com certa frequência. Por esse motivo, palestras, workshops e muita leitura são ótimas maneiras de se atualizar. Por exemplo: que tal um curso sobre a limpeza da cozinha profissional?

Assim, você poderá ajudar a empresa a cumprir as rígidas regras da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária). Procure descobrir quais são os cargos de interesse dentro da companhia e faça uma lista das habilidades que ainda lhe faltam para assumir esses postos.

Descubra o momento certo para procurar outro emprego

Muitas vezes, a resposta para nossos problemas está evidente, mas não enxergamos. Por isso, um pouquinho da sabedoria popular pode ser muito útil em algumas questões. Por exemplo: você já ouviu aquele ditado: “Não adianta dar murro em ponta de faca!”.

Esse provérbio é bastante inteligente. Isso porque, se o lugar onde você está não lhe oferecer boas perspectivas, seu esforço para se valorizar no trabalho de nada valerá.

Um sinal muito evidente de que as coisas não vão bem é sentir uma certa depressão todo dia quando se levanta para ir ao trabalho. Você procura motivação, mas não encontra. Isso é um indício de que, talvez, o melhor mesmo seja seguir por novos caminhos.

Outro sintoma de que chegou a hora de partir é ter boas ideias e não receber a devida atenção. Imagine que você trabalhe na limpeza e que tenha descoberto um fornecedor de produtos sustentáveis com melhores preços do que os que estão atualmente em uso na companhia.

Você argumenta com a chefia, diz que será possível colher benefícios indiretos, como aumento da boa reputação, mas de nada adianta. Seus superiores são tão inseguros que não permitem ideias novas. Se isso acontecer com frequência, vá atrás de outras oportunidades.

Para se valorizar no trabalho, portanto, é preciso um conjunto de atitudes. Se você mantiver o foco e tiver inteligência em onde aplicar sua energia, certamente colherá bons resultados.

Ou seja, seus sonhos terão mais chances de se tornarem realidade. Por isso, preste muita atenção nas demandas da empresa e não economize esforços para ajudar clientes, colegas, superiores e subordinados.

E aí? Gostou do nosso artigo? Quer saber mais sobre a carreira? Então veja também como manter uma reputação positiva no mercado!

Siga-nos nas Redes Sociais e Compartilhe:
error0

One thought to “Aprenda a se valorizar no trabalho”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *